Skip to content

Adapte Seu RPG Sem Perder Tempo

agosto 22, 2014

Resident Evil RPG

O limite do RPG é o limite da sua imaginação.”

Que mestre nunca criou um monstro? Um item? Adaptou ou ao menos sonhou em trazer o clima e ambientação daquele game, filme, livro ou série para sua mesa de RPG?
Outras vezes, você pode iniciar um novo grupo com jogadores iniciantes mas eles não curtem fantasia medieval (e você ia mestrar D&D) ou eles não curtem histórias de sobrenatural ou terror (e você ia mestrar WoD). Então o jeito é adaptar! Mas como? Isso pode levar semanas de trabalho e preparação… Você pode não ter mais aquela revista que trazia as regras pra se jogar Star Wars com D&D… Calma! Ainda há uma chance!

O poder de narrativa e descrição no RPG supera as regras.
– Se os livros dizem que para escalar uma montanha você deve superar a dificuldade “17”, mas o mestre diz que ela é “22” porque está chovendo e esta montanha possui uma verticalização superior, ela será 19 e fim de papo.
– Se todos os orcs têm “1.80m” de altura, mas um em especial tem “2.20m” porque o mestre o descreveu como uma abominação, ele terá 2.20m.
– Se o jogador disse que sua espada longa é curvada por causa do símbolo da tribo que seu personagem bárbaro veio, ela será assim e pronto.
Então, utilize o poder das palavras para superar as regras! (ou melhor: trabalhar em conjunto com elas!).

VAMOS AO EXEMPLO PRÁTICO!
Situação: você mestre joga com um grupo que está acostumado com as regras do D&D, porém, vocês já jogam isso há anos e querem variar um pouco, mas sem precisar aprender novas regras ou comprar um novo sistema com mais livros… OU você mestre, só possui os livros de D&D e quer ensinar o RPG para seus amigos que são totalmente viciados em Resident Evil. O que fazer?

Idéia de Adaptação: Resident Evil RPG (com o sistema de regras do D&D – d20)
(“Ok! Ok! Eu já sei que não há nada novo aqui e essa adaptação já foi feita em vários sistemas, lançadas em revistas, blogs, etc… Porém, irei dar um exemplo sem ter nenhum trabalho de ler nada a mais e nem comprar nada…”)

As Classes (e Raças?): Um guerreiro/ranger de D&D poderia se tornar um soldado ou agente S.T.A.R.S. em Resident Evil.
Um clérigo/druida poderia se tonar um médico da equipe. Eu sempre vi a personagem Jill como uma ladina.
E por assim vai…o que não for utilizar como por exemplo o “feiticeiro”, remova do jogo.
Troque o sistema de magias por usos de habilidades de cura.
As raças além dos humanos podem ser ignoradas.

Armas e Equipamentos: Facas e armas de fogo são comuns em Resident Evil, adapte o “arco longo” para uma “pistola”, aumente o dano para ‘d12’ se for uma “escopeta” ou alcance se for um “rifle de precisão”.
Troque as “poções de cura” por “ervas coloridas”.
Às vezes adaptar é tão fácil quanto trocar o nome e a descrição!

Monstros: Todo e qualquer morto-vivo, zumbi ou esqueleto pode ser utilizado sem problemas. Cobras e aranhas gigantes também. Qualquer outro que queira utilizar pode ser considerado como uma “experiência de laboratório”. Pegue um monstro gigante e transforme-o no Nemesis com uma bazooka!

Clima: O principal está aqui. O clima de terror é imprescindível para que o seu jogo tenha a alma de Resident Evil. E isso cabe inteiramente à narrativa e descrição. Que tal trocar a dungeon pela mansão Spencer?
Um jogo mais mortal também ajudará: modificando as regras como aumentar o dano geral nos combates e reduzindo os pontos de vida dos personagens.
Traga histórias de terror, suspense, ação, investigação e horror para a mesa! “A busca pela cura do T-Vírus“.
Além disso, você pode criar fichas com layout customizado.

E por fim, lembre-se: o poder está nas suas palavras e na sua imaginação!

E você mestre, já adaptou alguma aventura para o seu RPG favorito? Já jogou algum Dragon Ball RPG? Walking Dead RPG? Guerra dos Mundos RPG? Conte como foi sua experiência!

Anúncios
One Comment leave one →
  1. Amanda permalink
    outubro 22, 2014 8:44 pm

    Gostei do blog!

Deixe o seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: